21 2461-0300

Palhetas de para-brisa: conheça os principais mitos e verdades

Palhetas de para-brisa: conheça os principais mitos e verdades

As palhetas do para-brisa são responsáveis por retirar o excesso de água do vidro em dias de chuva, garantindo assim, uma boa visibilidade.

Para tirar suas dúvidas, selecionamos alguns mitos e verdades sobre o item.

– Braço do limpador desregulado pode prejudicar ação da palheta

VERDADE. Quando regulado, ele aplica a pressão correta da palheta sobre o vidro. Do contrário, a ação do componente fica comprometida.

Muitas vezes, o dono do carro acaba substituindo a palheta sem necessidade. Por isso, é preciso ter muito cuidado nas lavagens do para-brisas e na manipulação desses braços. Um especialista será capaz de diagnosticar se os braços estão tortos ou não.

– Querosene, álcool ou “pretinho” para limpar as palhetas ajudam a elevar a vida útil

MITO. Esses produtos possuem substâncias abrasivas que ressecam a borracha e prejudicam o funcionamento das palhetas. Prefira sempre um pano umedecido com água.

– Sabão neutro no recipiente do limpador de para-brisa é mais eficiente

VERDADE. Utilize sempre sabão líquido neutro ou produtos desenvolvidos especialmente para este fim. Por serem desengordurantes, eles deixam a cobertura do vidro mais lisa, facilitando a ação das palhetas. Evite misturar produtos, usar detergentes, desengordurantes de limpeza e outras substâncias, uma vez que elas podem ressecar as palhetas e diminuir sua vida útil.

– Encerar o para-brisa melhora a eficiência dos limpadores

DEPENDE. Tenha cautela! O produto pode sair do vidro e seguir impregnado na borracha, danificando a aderência da palheta. Por isso, ao limpar a peça e tirar a cera do vidro, tenha cuidado para não deixar resíduos.

– Renovadores de palhetas aumentam a vida útil da peça

MITO. Essa é uma solução ineficaz e não aumenta a vida útil da palheta, pelo contrário. Os chamados renovadores danificam a proteção química da palheta, sendo necessária a compra de uma nova em médio ou curto prazo.

Lembre-se:

Manter os esguichos de água regulados ajuda a conservar as palhetas, pois se não estiverem bem posicionados ou caso estejam entupidos, o vidro não será borrifado adequadamente, podendo provocar arranhões nos vidros e o desgaste precoce das palhetas.

Atenção!

Com o passar do tempo, as borrachas das palhetas ficam ressecadas, e dependendo de seu estado, podem até riscar o para-brisa, por isso, o ideal é trocá-las, pelo menos, uma vez ao ano. Verifique o modelo adequado no manual do fabricante.

A Widmen possui equipe especializada para realizar a manutenção ou troca das palhetas do limpador do para-brisa do seu carro. Basta ir até uma de nossas unidades localizadas no Rio de Janeiro e Niterói.

Leia mais:

Saiba como limpar o para-brisa do seu carro:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/saiba-como-limpar-o-para-brisa-do-seu-carro/

Os problemas causados pelo excesso de sujeira no carro:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/os-problemas-causados-pelo-excesso-de-sujeira-no-carro/

 

 

 

 

Leave a Comentários

Your email address will not be published.*