21 2461-0300

Tire suas dúvidas sobre o uso do bebê conforto, cadeirinha e assento de elevação

Tire suas dúvidas sobre o uso do bebê conforto, cadeirinha e assento de elevação

Por: Gabriela Rabinovici

Pais zelosos não abrem mão de garantir o conforto e a segurança de seus filhos e isso inclui transportá-los de forma correta no veículo. Em vigor no Brasil desde 2010, a Lei da Cadeirinha ajudou a proteger milhares de crianças de acidentes de trânsito, afinal, esta é a principal causa de mortes por acidentes entre crianças até 14 anos de idade.

Atualmente, existem três dispositivos de retenção: o bebê conforto, a cadeirinha e o assento de elevação, mas você sabe qual é o modelo mais indicado para cada faixa etária?

De acordo com a regra do Conselho Nacional de Trânsito (Contran):

– Bebês de até 1 ano de idade devem ser transportados no banco de trás do carro no bebê conforto, de costas;

– Crianças entre 1 e 4 anos devem ficar na cadeirinha presa com o cinto e no banco traseiro;

– Crianças com idade entre 4 e 7 anos e meio, devem utilizar um assento de elevação no banco de trás;

– Crianças com idades entre 7 anos e meio e 10 anos devem utilizar apenas cinto de segurança no banco de trás.

O Inmetro, ao certificar os produtos, dividiu-os em grupos de acordo com o peso, altura e idade:

– Grupo 0: crianças de até 10 kg, 0,72 m de altura, 9 meses;

– Grupo 0+: até 13kg, 0,80 m de altura, 12 meses;
– Grupo 1: de 9 kg a 18 kg, 1m de altura, 32 meses;
– Grupo 2: de 15 kg a 25 kg, 1,15 m de altura, 60 meses;
– Grupo 3: de 22kg a 36 kg, 1,30 m de altura, 90 meses.

É importante saber que essa é uma classificação mundial, no entanto, os pais devem usar o bom senso e ver se a criança ainda cabe no dispositivo, levando em conta o conforto. Não deixe de ler as instruções do manual para fazer a correta instalação, pois a maioria das cadeiras e assentos de segurança é fixada de forma incorreta.

Quem for pego sem o dispositivo terá de pagar uma multa de R$ 293,47 (infração gravíssima) e perderá 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além da apreensão do veículo para regularização.

Atenção:

A partir de 2018, a resolução 518 do Contran obrigará todo novo automóvel, SUV e picape dupla a ter o Isofix (Padronização Internacional de Organização de Fixação, cujo objetivo é padronizar e simplificar o encaixe das cadeirinhas infantis).

Leia mais:

Recomendações para grávidas na hora de dirigir:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/recomendacoes-para-gravidas-na-hora-de-dirigir/

Os melhores carros para quem tem filhos:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/os-melhores-carros-para-quem-tem-filhos/

Carlos

Open chat