21 2461-0300

Saiba como obter a placa preta para carros antigos

Saiba como obter a placa preta para carros antigos

Por: Gabriela Rabinovici

Item cobiçado por muitos colecionadores, a placa preta é destinada aos veículos com 80% de originalidade e fabricados há mais de 30 anos. Além de valorizar ainda mais o carro, este tipo de placa tem a vantagem de dispensar a inspeção veicular nos estados onde ela é exigida e o uso de equipamentos obrigatórios homologados depois da fabricação do carro como por exemplo: cinto de segurança, encosto de cabeça, dispositivo destinado ao controle de emissão de gases poluentes e de ruído e air bag frontal para o condutor e o passageiro do banco dianteiro. Mas como conseguir esse “troféu”?

Em primeiro lugar, é preciso procurar uma entidade credenciada e reconhecida pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), como clubes de carros antigos listados pela FBVA (Federação Brasileira de Veículos Antigos) para verificar junto à mesma as suas exigências.

É necessário seguir uma série de requisitos e passar por vistoria para obter o Certificado de Originalidade. Durante o procedimento, são verificados diversos itens da parte mecânica, elétrica, carroceria e interior. Cada um deles traz subitens específicos, com uma quantidade de pontos determinada.

Os custos para a emissão do Certificado e para realizar a vistoria variam de clube para clube. Após conseguir o Certificado, o proprietário do carro antigo deve providenciar sua mudança de categoria junto ao DETRAN ou órgão de trânsito responsável, apresentando os seguintes documentos: identidade, CPF, comprovante de residência, documento do veículo, Certificado de Originalidade), além de levar o veículo e recolher as taxas devidas. As exigências (documentos) podem variar de Estado para Estado, por isso, consulte os documentos/exigências do seu Estado.

Quer conseguir a permissão para portar uma placa preta?

Então mantenha a manutenção do seu veículo em dia! Parte mecânica e elétrica precisam estar em perfeito estado de funcionamento, pneus devem estar dentro da validade, a limpeza em dia e a pintura dentro do padrão.

Vale lembrar que o Certificado de Originalidade não tem prazo de validade, no entanto, o carro não poderá ser modificado, sob pena de perder o Certificado.  Mesmo com a aquisição da placa, o proprietário não é dispensado de pagar a taxa de licenciamento e o seguro obrigatório do bem.

Leia mais:

Confira 5 carros modernos inspirados em modelos antigos:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/confira-5-carros-modernos-inspirados-em-modelos-antigos/

Por que não é recomendável misturar pneus novos e antigos?

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/por-que-nao-e-recomendavel-misturar-pneus-novos-e-antigos/

Carlos

Open chat