21 2461-0300

Foi pagar o pedágio e estava sem dinheiro? Saiba o que fazer

Foi pagar o pedágio e estava sem dinheiro? Saiba o que fazer

Por: Gabriela Rabinovici

Ser pego desprevenido na hora de pagar o pedágio é mais comum do que se imagina, por isso, antes de pegar a estrada, é aconselhável que o motorista se informe sobre a existência de praças de pedágio no trajeto e confira se tem dinheiro na carteira.

A boa notícia para os esquecidos ou desavisados que acabam saindo sem dinheiro, é que algumas concessionárias emitem boletos bancários no valor da tarifa para que o condutor pague depois. Vale avisar que o procedimento não é rápido: é necessário preencher um formulário, ter o CPF consultado e esperar a confecção do boleto por pelo menos uma hora.

O motorista precisa efetuar o pagamento em até 72 horas e é a concessionária que toma as providências necessárias para cobrança depois desse prazo. É importante saber que não é possível emitir o boleto caso haja outro pagamento em aberto no CPF do usuário e o procedimento só pode acontecer uma vez no percurso, ou seja, o motorista não pode passar sem pagar por dois pedágios da Via no mesmo dia.

Atenção!

Este não é um procedimento padrão. Cada empresa pode adotar ou não a emissão de boletos. Caso não adote, o motorista pode fazer um retorno e voltar para casa ou fazer uma parada no banco mais próximo.

Nunca, sob nenhuma circunstância, tente fugir ou continuar a viagem antes do fim do procedimento todo, por mais demorado que seja. O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) trata a evasão como infração grave, punida com a perda de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação e multa de R$ 195,23. Câmeras de segurança tanto da concessionária quanto da Polícia Rodoviária são utilizadas para identificar o infrator e detê-lo logo à frente.

Como são calculadas as tarifas de pedágio?

A tarifa é resultado da multiplicação da Tarifa Quilométrica (um valor monetário básico por quilômetro de rodovia) pelo TCP – Trecho de Cobertura da Praça de Pedágio (que corresponde à extensão da rodovia que está associada àquela determinada praça). Toda tarifa de pedágio cobrada tem um trecho de rodovia correspondente ao valor que está sendo cobrado. Geralmente, quando a rodovia tem valores iguais de pedágio, é porque todas as praças cobrem uma mesma extensão de trecho da rodovia. Praças com valores maiores, cobrem trechos maiores. Mas lembre-se: pedágio não é imposto, é uma taxa de serviço de conservação de via pública.

Confira a lista com os valores de pedágios em rodovias no Rio de Janeiro e outros estados: https://goo.gl/mkbL2R

Saiba mais:

Levou multa? Saiba como proceder:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/levou-multa-saiba-como-proceder/

Revisão do carro: saiba quais itens checar antes de viajar:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/revisao-do-carro-saiba-quais-itens-checar-antes-de-viajar/

Carlos

Open chat