21 2461-0300

Dica de Dia dos Pais: uso de cadeirinha e bebê conforto no carro

Dica de Dia dos Pais: uso de cadeirinha e bebê conforto no carro

Por: Gabriela Rabinovici

Pais zelosos não abrem mão das cadeirinhas e bebês conforto para garantir a segurança de seus filhos. Transportar bebês e crianças com esses itens evita multas e tragédias, já que os acidentes de carro são a maior causa de mortes de crianças entre zero e 14 anos.

O CONTRAN, Conselho Nacional de Trânsito transformou em lei, o uso obrigatório da cadeirinha e do bebê conforto para crianças de até sete anos e meio de idade. Em vigor desde 2010, quem não cumprir a lei perderá sete pontos na carteira, pagará uma multa de R$ 191,54 e terá o veículo apreendido. Além disso, é obrigatório que crianças menores de 10 anos de idade andem no banco de trás do veículo.

Existem muitas pessoas em dúvida quanto ao uso da cadeirinha e do bebê conforto e, infelizmente, tragédias ainda acontecem pela utilização errada dos itens. É importante que a cadeira seja instalada corretamente e que tenha o índice máximo de segurança, por isso, os pais devem adquiri-la com o selo do Inmetro e seguir à risca as orientações do manual de uso.

Confira os tipos e modos de uso:

– Bebê conforto:

Recomendada para crianças com até 13 kg ou, aproximadamente, um ano de idade. A instalação deve ser feita no banco traseiro, de costas para o movimento do veículo, preso pelo cinto de segurança que deve ser ajustado ao corpo da criança com um dedo de folga.

– Cadeira de segurança:

Recomendada para crianças de 9 a 18 kg ou, aproximadamente, de um ano a quatro anos de idade. No banco traseiro, voltada pra frente em posição vertical, ela deve ser presa ao cinto de segurança, que deve estar ajustado ao corpo da criança com um dedo de folga, com as tiras na altura do ombro.

– Assento de elevação:

Recomendado para crianças entre, aproximadamente, quatro e dez anos de idade, com 15 a 36 kg. Ele também é conhecido como booster e deve ser preso no banco traseiro com cinto de segurança de três pontos que deve ser passado pelo centro do ombro e sobre os quadris da criança.

– Cinto de segurança de três pontos:

São recomendados para crianças acima de 36 kg e, no mínimo 1,45m de altura ou, aproximadamente, 10 anos de idade.

Os pais precisam orientar seus filhos para que não acionem os fechos do cinto, não tentem abrir a porta do veículo e nem coloquem os braços para fora durante o trajeto, assim, trafegar com as crianças torna-se mais prazeroso e seguro.

Fique por dentro:

Dica: veja os benefícios de ser um condutor cauteloso no trânsito:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/dica-veja-os-beneficios-de-ser-um-condutor-cauteloso-no-transito/

A importância do filtro antipólen:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/a-importancia-do-filtro-antipolen/

]]>

Carlos

Open chat