21 2461-0300

Conheça os itens do sistema de freio e prazos de manutenção

Conheça os itens do sistema de freio e prazos de manutenção

Por: Gabriela Rabinovici

O sistema de freio constitui uma das partes mais importantes do veículo e foi projetado para dar o máximo de rendimento e segurança. Através do pedal, a pressão mecânica é transformada em pressão hidráulica que chega até as rodas, fazendo-as parar.

Pastilhas, discos, tambores e outros itens compõem o sistema e, em boas condições, garantem uma frenagem segura, independente das condições de tráfego. Conheça as peças e o prazo de manutenção de cada uma:

– Pedal:

Faz parte do processo de acionamento. O motorista pressiona sutilmente para o veículo parar. Só é trocado se entortar, devido a um acidente, por exemplo.

– Servo freio:

Tem o papel de auxiliar o motorista na força de freio aplicada ao sistema. Funciona com o vácuo gerado pelo funcionamento do motor. Se apresentar problema deve ser trocado, mas sua durabilidade varia entre 120 mil a 200 mil quilômetros.

– Cilindro mestre:

Sua função é abastecer o sistema de freio com fluido e converter a força aplicada ao pedal em pressão hidráulica. Sua durabilidade pode ultrapassar os 100 mil quilômetros, mas a manutenção deve estar em dia.

– Fluido:

Líquido responsável por transmitir o movimento e força proveniente da ação do motorista até as rodas. Fica no reservatório acima do cilindro mestre. Deve ser trocado a cada 10 mil quilômetros ou, no máximo, a cada dois anos.

– Canos e mangueiras:

Dutos responsáveis por levar o fluido do cilindro mestre até as rodas. Se ocorrer vazamento, a peça deve ser trocada imediatamente.

– Pastilhas e disco:

As pastilhas ficam em contato com o disco de freio e têm como função fazer o carro parar com segurança. Geralmente, encontram-se nas rodas dianteiras e a durabilidade dos dois itens, depende do uso que o motorista faz do freio. Se houver desgaste deverão ser substituídos.

– Lonas:

Fazem o atrito das rodas traseiras com os tambores de freio e travam o carro quando o freio de mão é acionado. A durabilidade ultrapassa os 50 mil quilômetros, mas deve-se ficar atento à forma de uso do freio para que não haja desgaste precoce.

– Tambores:

Juntamente com as lonas, ajudam a parar as rodas traseiras. Se houver desgaste devem ser retificados.

É recomendado que a manutenção seja feita a cada 10 mil quilômetros rodados. Vá até uma oficina mecânica de confiança. A Widmen é especialista em revisão, troca do fluido e componentes do sistema de freios.

Saiba mais:

Fique atento à baixa de fluido do freio:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/fique-atento-a-baixa-do-fluido-de-freio/

A necessidade de revisar o freio de mão:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/a-necessidade-de-revisar-o-freio-de-mao/

]]>

Carlos

Open chat