21 2461-0300

Conheça as marcas de carro que deixaram o Brasil

Conheça as marcas de carro que deixaram o Brasil

Por: Gabriela Rabinovici

 Entusiasmadas com um novo mercado, muitas marcas importadas trouxeram seus veículos para o Brasil, no entanto, as mudanças na economia brasileira, somada à queda nas vendas, falta de estratégias, competitividade e baixa atratividade do veículo, acabou colocando um fim nas atividades de certos fabricantes por aqui.

  Relembre as principais marcas de veículos que deixaram o Brasil:

 – Mahindra:

A maior fabricante indiana iniciou suas atividades no Brasil em 2008 por meio da Bramont e deixou o Brasil em 2015, com a média de venda mensal de apenas 250 unidades.

Geely Motors:

A marca chinesa comercializava aqui, o sedã EC7 e o hatch GC2. Deixou o país em abril de 2016, alegando que o fracasso ocorreu por conta da instabilidade da economia.

– Asia Motors:

Quem se lembra das vans coreanas: Towner (campeã de vendas entre microempresários e vendedores de cachorro-quente) e a grande Topic? A marca veio para o Brasil em 1994, após a fundação da Asia Motors do Brasil (AMB), tendo seu auge em 1997 com a venda de mais de 17,6 mil veículos, no entanto, como não tinha relação com a Asia Motors Corporation, acabou sendo extinta em 1999.

 

– Mazda:

A grande marca japonesa esteve no Brasil do começo dos anos 90 até novembro de 2000. Como a Ford comprou a marca, decidiu encerrar sua participação no país com o objetivo de diminuir a concorrência interna. Ela era responsável pela fabricação dos sedãs 626 e Protegè e dos esportivos MX-3 e MX-5.

– Lada:

Com o jipe Niva, o sedã Laika e o hatch Samara, a marca russa fez história no Brasil na década de 90, mas seus carros acabaram apresentando defeitos, devido ao clima tropical brasileiro. A marca deixou o Brasil em 1995.

– MG Motors:

Com o intuito de desbancar a Audi e a BMW no segmento premium, a marca inglesa iniciou as atividades por aqui em 2011 com dois modelos, o sedã MG550 e o fastback MG6, vendidos em sua primeira e única concessionária, em São Paulo. Acabaram caindo no esquecimento e deixaram o Brasil em 2013.

Fique por dentro:

 Relembre as clássicas rodas de arame:

 http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/relembre-as-classicas-rodas-de-arame/

 Entenda as siglas nos nomes dos carros:

 http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/entenda-as-siglas-nos-nomes-dos-carros/

Carlos

Open chat