21 2461-0300

Como funciona o freio autônomo?

Como funciona o freio autônomo?

Por: Gabriela Rabinovici

O sistema autônomo de frenagem consiste na tecnologia capaz de paralisar totalmente o carro na iminência de um acidente em que o motorista não reage a tempo, dentro de um limite de velocidade.

Com o intuito de minimizar acidentes e salvar vidas, o recurso conhecido também como AEB (Auto Emergency Breaking) ou Frenagem Automática de Emergência, funciona como um alerta de colisão nos freios para diminuir o tempo de reação do condutor.

Um sensor no para-choque e uma câmera no retrovisor detectam obstáculos à frente, como carros e pessoas. Se o motorista não reagir ou se acelerar, o sistema entra em ação. A quantidade de sensores e radares no veículo varia de modelo para modelo.

A tecnologia existe desde 2009 e devido aos constantes ataques terroristas com carros, van e caminhões, diversos países estudam torná-la obrigatória. Como o sistema AEB é caro, no Brasil, ele pode ser encontrado em alguns veículos acima de R$ 80 mil, como no Nissan Kicks e Ford Focus, no entanto, em 2016 apenas 6% vieram com o sistema.

Na Inglaterra, 48% contou com o AEB no ano passado, isso porque na Europa, o Euro NCAP (renomado instituto de segurança veicular) só atribui nota máxima (cinco estrelas) aos veículos que sejam equipados com algum tipo de sistema autônomo de frenagem de emergência. A previsão, é que até 2022, todos os carros tenham a tecnologia, tanto na Europa quanto nos Estados Unidos.

Por aqui, é obrigatória a presença do controle eletrônico de estabilidade até 2022 (2020 para carros novos). Hoje, apenas o airbag duplo e freios ABS são leis.

Assista todos os testes de colisão e de frenagem automática feitas pelo Euro NACP com o Renault Scénic: https://goo.gl/1ooZiM

Fique por dentro:

Dicas para uma frenagem mais eficaz:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/dicas-para-uma-frenagem-mais-eficaz/

Qual é a hora certa de fazer a revisão dos freios?

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/qual-e-a-hora-certa-de-fazer-a-revisao-dos-freios/

Carlos

Open chat