21 2461-0300

Como evitar que o alarme do carro dispare sozinho

Como evitar que o alarme do carro dispare sozinho

Por: Gabriela Rabinovici

O alarme tornou-se figurinha comum na lista de opcionais de um carro 0km. Diante do elevado número de roubos e furtos a veículos, a instalação do item acaba oferecendo mais segurança ao motorista.

Seu funcionamento acontece através de sensores localizados dentro do carro que identificam movimentos e, ao mesmo tempo, enviam informações para uma central de segurança eletrônica que mede o grau desses movimentos. A intensidade pode ser ajustada por uma chave secreta no veículo. Sendo assim, quando há movimentos acima do grau permitido, o alarme dispara em segundos e só desarma através do controle remoto.

Mas o que fazer se o alarme dispara sozinho sem nenhum motivo aparente? Para evitar esse problema siga essas dicas:

– Opte pelo alarme original de fábrica, ao invés de alarmes paralelos;

– Evite sinais falsos aos sensores. Quando portas, vidros e capô não são fechados direito, o sensor identifica-os como abertos e dispara;

– Peça para um especialista calibrar corretamente os sensores. O excesso de sensibilidade faz o alarme disparar ao menor esbarrão;

– Condições climáticas extremas, como chuva, sol e poeira em excesso também podem danificar o alarme. Não deixe de fazer a manutenção periódica;

– O disparo pode ser ocasionado por causa de um curto-circuito na central de alarme. Nesse caso, a troca do item é necessária.

Se não der para desarmar o alarme no controle remoto, a recomendação é desligar a bateria, desconectar o polo negativo, esperar 10 minutos e, em seguida, leva-lo pra troca ou conserto.

Leia mais:

Saiba como evitar roubos e furtos de carro:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/saiba-como-evitar-roubos-e-furtos-de-carro/

Sensores ganham espaço no mercado automotivo:

http://www.widmen.com.br/dicasautomotivas/sensores-ganham-espaco-no-mercado-automotivo/

]]>

Open chat